quinta-feira, 16 de março de 2017

Acusados de matar sargento da PM durante assalto a ônibus são presos em flagrante

Acusados de matar sargento da PM durante assalto a ônibus são presos em flagrante
Policiais da 65ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), juntamente com policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), sob o comando do delegado André Ribeiro prenderam três homens acusados do latrocínio que vitimou o Sargento da Polícia Militar, Adalberto Santos Silva, 56 anos.
Os criminosos foram identificados como: Alexandre Santana Oliveira Nascimento, 21 anos; Matheus dos Santos Paiva, 20 e Lucas Matias de Oliveira, 19. Com os latrocidas os policiais recuperaram a arma de fogo, tomada de assalto das mãos do militar e a mesma arma que foi usada no latrocínio.
Alexandre baleado foi socorrido para o HGCA
Matheus confessou que tomou a arma do sargento e o executou
Segundo informações de testemunhas, o sargento estava no interior do ônibus da empresa Rosa, que fazia linha Transbordo Central/George Américo, quando o ônibus seguia pela Rua Primavera no bairro Sobradinho, na noite deste sábado (11-03-17), por volta das 19h30, Alexandre e Matheus, anunciaram o assalto. Sendo que, um dos bandidos reconheceu o policial e falou "hum, você é policial, deve está armado, eu só quero você", ai o policial colocou as mãos pra cima e respondeu "podem ficar despreocupado, podem levar tudo", porém, os criminosos tomaram a arma do policial e deflagrou tiros nas cosas e na perna. O sargento não resistiu e morreu.
Lucas deu suporte ao assalto que terminou em latrocínio

Ainda de acordo com a polícia, Alexandre baleado seguiu para Policlínica do George, onde foi preso por policiais da 65ª CIPM. Matheus foi preso por policiais militares e civis, quando se escondia na casa da namorada, ele confessou o latrocínio e contou que agiu juntamente com Alexandre e que Lucas teria participado também do assalto, onde o mesmo dava suporte. Matheus também confessou que foi o mesmo que tomou a arma das mãos do sargento e executado.
Alexandre foi encaminhado para o Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA), devido a gravidade do ferimento, sendo que, o mesmo esta sob custodia no hospital. Matheus e Lucas foram conduzidos para Central de Flagrante do Complexo de Delegacias do Sobradinho. Os três devem ser autuados em flagrante por latrocínio (roubo seguido de morte).
Loading...