sábado, 19 de setembro de 2015

PM morre após ser ferido por disparo acidental de arma de colega dentro de viatura, na Serra- ES

O soldado da Polícia Militar Daniel Martins da Silva, de 24 anos, foi morto com um tiro na manhã deste sábado (19), na Serra, no Espírito Santo. O disparo saiu da arma do colega que dirigia a viatura em que Daniel foi baleado, um outro soldado, de 27 anos. O tiro de pistola .40 teria sido acidental.
Autor do disparo foi detido em flagrante e está no presidio do Quartel do Comando Geral. Ele vai responder pelo processo criminal e administrativo.
A dupla de policiais fazia um patrulhamento de rotina pela estrada de Queimados, na zona rural de Serra Sede, quando Daniel foi baleado. O tiro atingiu a axila esquerda do soldado, atravessou o tórax e saiu pelo lado direito.

O soldado que dirigia a viatura ainda levou Daniel para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Carapina. O motorista também foi atendido, porque estava em estado de choque. Segundo informações preliminares da perícia, não houve luta corporal dentro do veículo.
"Tudo indica que foi realmente acidental. O que a gente precisa esclarecer são as circunstâncias em torno desse acidente para verificar as responsabilidades do soldado que efetuou o disparo. Por exemplo, o porquê de a arma estar sendo manuseada no interior da viatura se não havia uma abordagem", disse o Coronel Borges, da Corregedoria da Polícia Militar.
Loading...